Nokia vai dar prioridade aos concorrentes no Here Maps – Opinião

Here Maps para outras plataformas. Windows Phone de lado

Lembram quando falei que ainda iria falar sobre a querida Nokia (a verdadeira, não a Microsoft) quando tivesse alguma notícia interessante? Pois é, essa semana a finlandesa resolveu que o foco no desenvolvimento do aplicativo, bem como no serviço, será em plataformas como iOS e Android. Para o Windows Phone o desenvolvimento será deixado de lado, pelo menos por hora.

Para ambos os sistemas que não Microsoft, a previsão é de que sejam disponibilizados ainda este ano. Segundo o que foi informado pelo vice-presidente do serviço Here Maps, Sean Fernback, esta decisão foi tomada por causa da compra da divisão de dispositivos móveis da Nokia pela Microsoft: 

Como resultado da transação, nós estamos teremos de encerrar o desenvolvimento de aplicativos para Windows Phone, então vamos transferí-lo para as plataformas Android e iOS”, explica o executivo

Isso causou um tremendo rancor em vários usuários da plataforma Windows Phone, com alguns até chamando a Nokia de traidora. Mas vamos parar para pensar um pouco e deixar o fanatismo de lado. Vamos analisar com calma o que aconteceu e depois me digam se a Nokia realmente está traindo ou está tentando voltar por cima.

A parceria anteriormente obrigada a Nokia a focar totalmente no sistema da Microsoft, fazendo até com que ela abandonasse o velho Symbian. Agora que não há mais um vínculo tão forte, porque ela deveria continuar agindo assim? O Windows Phone até hoje é promessa, iOS e Android são disparados os sistemas dominantes. A Nokia já até arriscou produzir aparelhos com Android antes de fechar as portas e entregar quase tudo para a empresa de Cupertino.

Se ela está com quase todas as suas fichas sobre o serviço de mapas, porque ela deveria se restringir à um universo tão pequeno? O serviço Here Maps é, pelo menos em minha opinião, o melhor do tipo até hoje (sim, acho melhor que o do Google). Ela tem mais é que tentar expandir mesmo este serviço.

Além disso, nas entrelinhas desta declaração, não está escrito que estão abandonando o Windows Phone, mas apenas que está sendo deixado de lado por um tempo. Deixando aberta as portas para que a Microsoft volte a negociar. Entenderam a jogada?

Só para pensarem um pouco mais, fica um outro caso semelhante. O aplicativo Sports Tracker (até hoje um dos melhores que conheço). Ele começou dentro dos laboratórios da Nokia ainda na era Symbian. Depois foi abandonado, virou empresa particular e migrou para outras plataformas. No final das contas está até hoje evoluindo e caminhando com suas próprias pernas.

Sinceramente espero que o Here Maps vá para as demais plataformas e continue com o ótimo trabalho que sempre fez. Até hoje é meu fiel companheiro de viagens quando pego a estrada e não vejo a hora de vê-lo funcionar em outras telas.

399 Total 1 Hoje