Primeira pessoa no mundo a ter um smartphone em membro artificial

Spread the love
Prótese de braço com o Nokia C7
Prótese de braço com o Nokia C7

Esta história foi uma das mais curiosas que já vi desde que resolvi entrar para o mundo da tecnologia móvel. Bem que ela poderia ser levada para outros portadores de deficiência física.

São Paulo – Para facilitar a manipulação de seu smartphone, inglês tem aparelho acoplado à prótese mecânica que usa no braço esquerdo.
Trevor Prideaux, de 50 anos, teve ajuda da Nokia para se tornar o primeiro homem do mundo a carregar um telefone inserido em um membro biônico.

Em entrevista ao Telegraph, o inglês, que nasceu sem um braço, disse que estava bastante acostumado a realizar tarefas com apenas uma mão. No entanto, os smartphones se mostraram um desafio: como segurar o aparelho e manipular a tela?

Prideaux precisava equilibrar seu telefone sobre a prótese, ou sobre outra superfície, para conseguir usá-lo. O homem pensou, então, que se a tarefa era difícil para quem sempre teve que utilizar apenas uma mão, deveria ser ainda pior para pessoas que haviam perdido um membro em algum acidente.

Em entrevista ao jornal britânico, ele diz que procurou a Apple, mas a empresa não quis ajuda-lo em seu projeto. A segunda tentativa foi junto à Nokia, que concordou em trabalhar com os engenheiros da sua fabricante de próteses, a  Exeter Mobility Centre, para criar o dock.

Em cinco semanas, a prótese de fibra de vidro ganhou espaço para o Nokia C7 que, acoplado ao braço mecânico, facilita o envio e leitura de mensagens, além de permitir que Prideaux atenda uma chamada e leve o braço ao ouvido ou escolha usar o viva-voz para falar.

O telefone pode ser retirado a qualquer momento da prótese.

Fonte: The Telegraph / The Sun Via: Info Abril

Ponto para a Nokia[bb] que resolveu apoiar o Trevor. Já a Apple[bb] acho que além de ter pisado na bola, perdeu uma grande oportunidade de “se humanizar” um pouco mais. Não custava nada ter colaborado com o projeto.

PróteseTrevor Prideaux