Review Gamin Viago no iPhone

Garmin Viago no iPhone

Já falei aqui no site sobre o Garmin Viago, mas na época apenas como notícia do lançamento e uma visão inicial. Hoje resolvi falar de detalhes que só foram possível observar após um tempo de uso. Este é um tipo de aplicativo que só dá para conhecer melhor utilizando na estrada, então nada melhor do que falar sobre ele após uma viagem.

Pontos positivos
Depois de aproximadamente 2500km utilizando o Garmin Viago acho que deu para conhece-lo bem. Assim como seu irmão mais velho, o Garmin Mobile XT (lembram dele? Comentei diversas vezes aqui) o Viago se mostrou um ótimo “estradeiro”.

Um dos detalhes que mais gostei no Viago foi a velocidade com que ele encontra os lugares de destino e calcula a rota até lá. Mesmo em se tratando de pontos em estados diferentes. Um ponto de destaque aqui é que a Garmin fez parceria com o Foursquare para que possamos fazer busca utilizando a base de informações deste sistema. É ótimo porque permite obter informações de, por exemplo, restaurantes e saber as opiniões de outras pessoas de dentro do Viago mesmo.

Em se tratando dos mapas, optei por pagar pelo “Maps to Go” para tê-los off-line, lembrando que para uso on-line são gratuitos. Mapas on-line são bons, mas na estrada não dá para confiar que terei sempre acesso à Internet. Falando em pagar, também optei por acrescentar alguns outros in-Apps ao pacote. Dentre eles o “Sound & Buiding” para ter a rota ditada de forma mais “humana”, o “Traffic Live” para fugir de possíveis engarrafamentos nas cidades por onde passei e por fim o “Panorama View 3D” para ter uma idéia melhor do terreno na estrada.

Gostaria de poder acrescentar também nesta lista o “Mobile Alert Live” que informa sobre radares (os famosos pardais como chamamos em Brasília). Pena que a Garmin ainda não inclui dados do Brasil, apenas de alguns países da América do Norte e Europa. Como não inclui passeios de metrô ou ônibus na viagem deixei de fora o “Urban Guidance” que informa intinerários dos transportes públicos.

Vamos aos detalhes destes recursos extras:

Maps to Go – Indispensável para mim nas estradas. Como disse antes não confio em ter apenas mapas on-line e correr o risco de ficar sem sinal. Até que a última versão está bem atualizada e percebi apenas um ou outro local que a informação não batia. Nada que atrapalhasse no final das contas.

Sound & Buiding – Este in-App é duplo e conta com prédios em 3D (poucos, na verdade quase nenhum) e narração com os nomes das ruas ao invés do tão comum “vire à direita”. Um detalhe curioso é que além de descrever melhor as instruções (vire na rua fulano de tal) a narração fica mais educada (sim, ela chega ao ponto de pedir “por favor siga até a rota indicada”) e intuitiva. Por intuitiva estou querendo dizer que ela passa a informar em que faixa deve ficar da rua e indicar para que bairro irá seguir.

Traffic Live – Na estrada não é muito útil, mas dentro das cidades ajuda bem. Como ele é possível ter informações sobre engarrafamentos e com isso tomar decisões de outros caminhos a seguir. Não chega perto do Waze neste ponto, mas é uma ajuda e tanto.

Panorama View 3D – Este é um in-App é o contrário do Traffic Live porque só faz algum sentido na estrada. Ele mostra de forma até convincente e tridimensional a superfície ao redor de você com montanhas e morros. Mas ai podem me perguntar no que isso é útil. Simples, para poder ter uma idéia melhor do que irá encontrar à frente na estrada. Útil para saber se lá adiante virá uma subida ou descida e assim poder decidir o melhor momento de fazer uma ultrapassagem segura. É preciso baixar as informações de terrenos e isso deve ser feito via Wi-Fi pois é uma quantidade considerável de dados.

Outros detalhes legais do aplicativo são as personalizações nas quais podemos configurar o que mostrar na tela (hora de chegada ao destino, distância, tempo, tempo de chegada a algum destino intermediário, distância até a via, direção de condução, elevação, velocidade…), modo de cores, design dos mapas, autozoom e outros. Detalhes de navegação também podem ser modificados (preferência de tipo de rota e elementos a evitar)

Pontos negativos
Para mim o maior ponto negativo, além de não poder contar com avisos de radares, é a impossibilidade de fazer backup da base pessoal de POIS. Isso é algo que havia na versão Mobile XT e não entendo porque não incluíram no Viago. Poderia até ser via serviço on-line, como é o caso do Here Maps. Com isso, se um dia tiver de instalar novamente o aplicativo ou instalar em outro aparelho é preciso cadastrar tudo novamente manualmente, um por um.

Outro ponto negativo é a narração não tão fluida do Sound & Buiding. Sim, ela é muito útil, mas a “Raquel” (narração em português brasileiro com indicação de ruas) se enrola um pouco com algumas palavras. Por exemplo o “pegue a rua XXX” fica “péguí a rua XXX” e as ruas ou avenidas que não tem nome cadastrado viram todas “estradas”. A narração da Beatriz (gratuita) é muito mais fluida (mas sem os nomes das ruas). Não atrapalha e logo se acostuma com a Raquel, mas poderia ser melhor já que este é um recurso pago.

Pontos de melhoria
A personalização de itens na tela é boa e funciona bem, mas já passou da hora da Garmin atualizar as imagens dos ícones de veículos. Ok, isso não é nada importante e sequer necessário, mas já que incluem isso há tanto tempo (desde o Mobile XT) poderiam ter uma lista mais atual.

Destinos pessoais são apresentados apenas em ordem de cadastramento. Até dá para editar e colocar da forma que quiser, mas manualmente. No Mobile XT era possível exibir esta lista em ordem de proximidade. Muito mais prático.

Existe uma opção de busca por endereços cadastrados nos contatos mas não consegui fazer funcionar. Mesmo tentando editar estes endereços de diversas formas diferentes nada fez que com este recurso desse certo.

Opinião final
O Garmin Viago tem alguns pequenos pontos que podem ser melhorados em futuras atualizações mas sem dúvida alguma é um excelente aplicativo. Não fica barato ter todos estes in-Apps que citei, mas valem bastante na hora de pegar a estrada. Com estes o pacote ficou bastante completo e transformou o iPhone em um verdadeiro GPS veicular. Gostei muito do conjunto todo e agora é meu preferido na hora de viajar. Vamos ver se isso irá se manter quando a Nokia resolver liberar o novo Here Maps para iOS.

754 Total 1 Hoje